Vitamina K2: Nutriente Indispensável para Saúde do Coração e Ossos

A vitamina K2 ficou durante muitos anos sem muitos estudos, mas hoje é reconhecida como uma vitamina essencial para a longevidade.

Especialmente se você já entende a importância do cálcio e da vitamina D, é importantíssimo você conhecer a vitamina K2: sem ela, você pode não estar obtendo os benefícios desses outros dois nutrientes e ainda estar sujeita a variados problemas.

Vitaminas K

As vitaminas K são um grupo de vitaminas lipossolúveis. Entre as duas principais (K1 e K2), é a K1 (fitomenadiona) que normalmente recebe mais atenção. Ela é encontrada em vegetais verdes escuros, e tem um papel importante na manutenção da coagulação sanguínea. Felizmente, é bastante fácil de obter níveis suficientes através da dieta.

A falta de diferenciação entre as vitaminas K1 e K2 foi um dos motivos que deixou a K2 ser “esquecida” durante muito tempo. A vitamina K2, também chamada de menaquinona, é encontrada em alimentos fermentados ou sintetizada pelas bactérias existentes em seu trato gastrointestinal. Ela vai direto para as paredes das artérias, ossos e tecidos (exceto do fígado) e tem benefícios importantíssimos.

Vitamina K2, Vitamina D e Cálcio

Se você está fazendo uso de suplementação de cálcio e vitamina D3, mas está com deficiente da vitamina K2, você pode estar piorando as coisas, de acordo com recente metanálise ligando o cálcio aos ataques cardíacos.

Sabemos que a vitamina D desempenha um importante papel na absorção de cálcio promovendo uma melhora significativa nos ossos. Porém, as novas evidências indicam que é a vitamina K2 que direciona o cálcio para ser absorvido pelo esqueleto, evitando que esse cálcio se deposite em locais inapropriados, tais como nas articulações (artroses), nas artérias (aterosclerose) e nos órgãos (cálculo vesicular, cálculo renal, catarata).

Além disso, A vitamina K2 ativa uma proteína chamada osteocalcina, produzida pelos osteoblastos, que por sua vez é necessária para a assimilação do cálcio na matriz óssea. A osteocalcina evita ainda que o cálcio se deposite nas artérias.

Quando o nosso corpo sofre qualquer tipo de lesão ou agressão, a resposta se dá por meio da reação inflamatória pelo cálcio no tecido lesado. Se isto ocorre nos vasos sanguíneos, é um sinal de que a doença arterial coronariana está se manifestando de maneira imperceptível, o que significa que há placa se formando na artéria, um problema que pode desencadear um ataque cardíaco.

Portanto, se você vai suplementar cálcio ou vitamina D, você deve equilibrá-los com vitamina K2.

Outros Problemas Causados pela Falta de Vitamina K2

Além do problema do cálcio acima, estudos recentes mostram que a deficiência de vitamina K2 nos deixa vulnerável a várias doenças crônicas:

  • Calcificação Inadequadas variadas (ex: pedra nos rins)
  • Osteoporose
  • Doença cardíaca
  • Ataque cardíaco e AVC
  • Doenças cerebrais
  • Câncer
  • Dose Recomendada de K2

    A quantidade ótima de vitamina K2 ainda está sob investigação, mas acredita-se que 180 a 200 microgramas diárias seja o suficiente para ativar as proteínas que fazem o transporte do cálcio das áreas indesejadas para as corretas. Não existe nenhuma toxicidade associada ao excesso de consumo de vitamina K2.

    Onde Obter a Vitamina K2

    A vitamina K2 possui diversas subcategorias (MK4, MK7, MK8 e MK9), sendo as principais a MK4 e MK7. A MK4 (metaquinona 4) é uma molécula de cadeia curta, encontrada na manteiga, gema do ovo e produtos animais em geral.

    A forma MK7 (metaquinona 7) é uma molécula mais longa, encontrada em alimentos fermentados. É encontrada em boas quantidades na soja fermentada (natto) e fígado de animais e, em menor quantidade na gema do ovo, no leite, em queijos fermentados (especialmente das variedades brie e gouda), iogurtes e óleo de peixe.

    Infelizmente, em avaliações feitas nos Estados Unidos, estima-se que 80% da população tenha deficiência dessa vitamina, devido à dieta moderna não incluírem os alimentos mais ricos em K2 em quantidade adequada.

    O MK7 é o tipo que você deve procurar em suplementação (já que a MK4 dos suplementos é sintética). Esse é o tipo mais nobre de vitamina K2, pois permanece no seu organismo por mais tempo e tem seu efeito prolongado. A suplementação de K2 é encontrada facilmente em sites estrangeiros (como o iHerb), e os primeiros suplementos nacionais também já começam a aparecer.

    E você, já faz a suplementação de vitamina k2?